Tiger Woods tropeçou em sua primeira rodada no PGA Championship, atrapalhando seus dois últimos buracos para registrar 1 acima de 72.

Isso deixa Woods em uma posição difícil para passar no Valhalla Golf Club em Louisville, já que deixou o 55º campo com uma onda à tarde para chegar em uma quinta-feira ensolarada, onde pontuações baixas são possíveis. Ele definitivamente precisará chutar abaixo do par na sexta-feira para fazer o corte, talvez por algumas tacadas.

O que foi uma rodada geral de golfe sólida foi prejudicada por erros nos greens dos buracos 8 e 9, que Woods jogou depois de iniciar os nove últimos. Ele acertou seu backhand a 49 pés do par 3, 8º, a 10 pés do buraco para voltar ao par. Woods parece ter compensado esse erro no número 9, acertando 28 pés e seis pés para o birdie. Ele perdeu uma ou duas xícaras com sua tacada e saiu parecendo desanimado.

Woods, descansando logo após as 8h no par de Keegan Bradley e Adam Scott, rapidamente se viu atrás com um bogey no par 3 11 depois de encontrar o bunker verde com sua segunda tacada. Dito isso, ele fez birdie no par 4 13 – com seu característico verde de ilha apoiado por pedras de calcário – depois de acertar uma tacada de 18 pés e cair na caixa de birdie.

Valhalla é o lar da vitória de Woods no PGA Championship de 2000. As expectativas são significativamente menores para Woods, 48, que admitiu esta semana que não está tão afiado graças a uma infinidade de lesões, o que dificulta o treino.

Em atuações esparsas nos últimos dois anos, Woods tem lutado para encontrar ritmo no gramado e errou arremessos nas últimas três partidas e em cinco das últimas seis. Ele acertou 0,11 na quinta-feira, embora tenha sido bom em 16 buracos.

Leitura obrigatória

(Foto: Ben Jared/PGA TOUR via Getty Images)

Fonte